Projeto obriga cinemas a divulgarem fotos de crianças desaparecidas

Projeto do deputado Bruno Peixoto quer que cinemas comerciais divulguem, entre as sessões de filmes, fotos de crianças e adolescentes desaparecidos. Pela proposta, a exposição das fotos deverá ocorrer durante a exibição dos trailers e incluir a divulgação dos nomes das pessoas desaparecidas e de números telefônicos para contato. O tempo destinado para a veiculação das fotos deve ser de, no mínimo, 15 segundos. 

Bruno Peixoto destaca que o projeto é importante porque cerca de 40 mil crianças e adolescentes desaparecem a cada ano no Brasil, sendo que 15% jamais voltam aos seus lares. “Esse é um grave problema no nosso país e precisamos fazer com que a imagem dessas crianças seja divulgada em locais que reúnem milhares de pesssoas”, afirma ele.

As fotos, segundo o projeto, serão enviadas pelos seguintes órgãos: Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária, conselhos tutelares, organizações não governamentais (ONGs) ou fundações, legalmente constituídas, cujas respectivas finalidades estatutárias sejam localizar crianças e adolescentes desaparecidos.

Se o projeto for aprovado, os estabelecimentos que descumprirem a lei estarão sujeitos a pagar uma multa no valor de R$ 500,00 para cada exibição de filmes e grupos de trailers, que não se adequarem  a exigência.

MAIS NOTÍCIAS
NEWSLETTER
(receba todas nossas notícias)