Bruno Peixoto entrega Título de Cidadania Goiana ao padre Clóvis de Jesus Bovo
O querido pároco Clóvis de Jesus Bovo recebeu, no dia 04 de agosto, o Título de Cidadania Goiana concedido pela Assembleia Legislativa do Estado de Goiás. O paulista recebeu a honraria em evento realizado na Igreja Matriz de Campinas, por iniciativa do líder do governo, o deputado Bruno Peixoto.
Ao conceder o título, o parlamentar explicou que o homenageado se enquadra dentro dos princípios éticos, morais e de merecimento que devem nortear sempre suas proposituras. “Sua atuação religiosa tem auxiliado inúmeras pessoas na obtenção de melhor qualidade de vida, concedendo direcionamentos pautados na ética e na moralidade cívica e religiosa”, afirmou o deputado.
Padre Clóvis de Jesus Bovo nasceu na cidade de Boituva (SP), em 6 de novembro de 1927, filho de Américo Bovo e Rosa Santorelli Bovo. Aos 10 anos entrou para o seminário e aos 26 foi ordenado presbítero, logo enviado para Roma para estudar comunicação, onde ficou por um ano e ao voltar ao Brasil, foi designado para trabalhar em Aparecida (SP) na redação do jornal do Santuário Nacional, onde ficou por 15 anos.
É jornalista, poliglota (domina o inglês e o alemão), autor de vários livros e conhecedor da vida dos Santos, apresentador de programa de rádio e responsável pelo site www.boletimpadrepelagio.org. No Santuário Basílica de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro (Matriz de Campinas), em Goiânia, está sempre disponível para assistência aos doentes, celebrações de missas e novenas, além do atendimento às confissões na capital. O religioso chegou em Goiás nos anos 70 para obras missionárias, entitulando-se "um soldado de Cristo".
MAIS NOTÍCIAS
NEWSLETTER
(receba todas nossas notícias)